domingo, 12 de julho de 2009

Perfeccionismo

Muitas vezes o perfeccionismo, algo comum na vida de bailarinos, torna-se extremo e acaba sendo prejudicial. É importante que uma bailarina seja perfeccionista, já que muito do que fazemos se baseia em se aperfeiçoar cada vez mais. Mas quando isso se torna neurótico, pode causar problemas psicológicos e até mesmo fazer com que você perca seu amor pela dança. O perfeccionismo exagerado caracteriza-se pela constante necessidade de aprovação, pelo foco nos erros ao invés das conquistas. Enquanto o perfeccionista saudável sabe que existem altos e baixos e busca nos erros um jeito de melhorar, o neurótico acredita que só existe sucesso ou fracasso, e possui padrões tão altos que é quase impossível que atinja sua visão de sucesso. Ele tende a dar importância demais ao produto final, sem enxergar o valor do esforço e do processo de realização. Caso você se identifique com isso, aqui vão algumas dicas:

- Imagine que você é o seu melhor amigo. Se o seu melhor amigo fosse falar com você sobre o quanto ele se sente mal sobre si mesmo, você não ia lhe dizer que ele é um completo perdedor! Você iria lhe mostrar seus pontos fortes e enxergar com a razão os motivos que levaram ele a se sentir desse modo.

- Quando você perceber que está tendo um pensamento negativo, interrompa-o o mais rápido possível. Depois, repense a situação buscando no erro uma oportunidade de aprendizado.

- Pense sobre o que você tem dito a si mesmo. Você fica o tempo todo pensando como não tem potencial ou fica orgulhoso de fazer bem um passo? Sempre existem coisas boas e ruins a serem observadas, e enxergar apenas as ruins não te leva a lugar nenhum além de se sentir mal consigo mesmo.

Ninguém gosta de conviver com pessoas que só sabem se criticar e têm uma visão negativa de tudo. Aceite as suas imperfeições e trabalhe duro no que você pode melhorar. E lembre-se: você é aquilo que você pensa!

13 comentários:

  1. MEU DEUS, sou uma perfeccionista neurótica! hahahha! Mas as dicas sao muito úteis... Brigada =D
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Tudo bem, você não é a única :P Eu sou uma perfeccionista SUPER neurótica :P

    ResponderExcluir
  3. acho que os bailarinos além de ter isso dentro deles tb são despertados para o perfeccionismo neurótico por causa de alguns professores e escolas, academias ou studios de dança.
    Mas as dicas são úteis e o mais importante, se isso incomodar muito, procure ajuda!

    ResponderExcluir
  4. Nossa suas essas suas dicas veio a calhar no momento, esta semana passei por algumas dificuldades na aula, e assim como a maioria dos bailarinos, não me permito errar quero que tudo saia perfeito, e as vezes me frustro com isso, mais tô aprendendo a me controlar bem, e uma coisa que você disse e acho muito válida "... buscar no erro uma oportunidade de aprendizado!" trazer isso pro nosso dia-a-dia seja no ballet ou na vida.

    Beijos ^^

    ResponderExcluir
  5. ADD seu blo, tá?.................beijos

    ResponderExcluir
  6. Eita foi anonimo, sou a heydi do blog "escrevendo com os pés"

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  8. nosssa... acho que sou perfeccionista neurotica O.O

    ResponderExcluir
  9. Eu sou muitos perfeccionista!!!
    ^.^
    Bjus...=***

    ResponderExcluir
  10. hmm.. será que existe mesmo perfeccionista saudável? rs

    ResponderExcluir
  11. Nossa, a parte dos pensamentos negativos é a mais difícil. Me cobro demais também!

    Te linkei!

    http://blogdanceadanca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Barbaraaaaaaaaa!
    Tem Selinho pra você no meu blog, Ok! ;)

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Caramba... eu não sei, acho que sou um meio termo, quando eu danço eu tento fazer tudo perfeitinho e sempre tento melhorar, mas eu sei que nunca errei a sequencia pq fiquei pensando o tempo todo ( vc não pode soltar a barriga )...

    Parabéns seu blog tá lindo... amei o layout ( como vc faz isso )

    To te acompanhando ok???
    Parabéns de novo...
    Beijos

    ResponderExcluir

Sugestões, elogios, críticas, dúvidas, qualquer-outra-coisa-mais? Deixe um comentário! Sua opinião é sempre bem-vinda :)